Instituição

ETESP: A certeza de que é possível fazer escola pública de qualidade

A Escola Técnica Estadual de São Paulo - ETESP - iniciou suas atividades educativas em 28 de março de 1988. Foi idealizada, primeiramente, com o objetivo de ocupar os espaços ociosos da FATEC-SP nos períodos da manhã e da tarde. Os primeiros cursos oferecidos foram Ensino Médio integrado ao Técnico em Edificações, Processamento de Dados e Eletrônica.

A ETESP localiza-se no bairro do Bom Retiro, região central da capital de São Paulo. Esse bairro tornou-se conhecido principalmente por possuir um grande número de indústrias e de comércios de vestuário da área central da cidade. A localização da escola e a facilidade de acesso, principalmente por meio do transporte coletivo, constituem fatores importantes e são considerados diferenciais.

Situada em uma das principais avenidas do centro da cidade de São Paulo, ao lado da estação Metrô Tiradentes e próxima à Estação da Luz, a Escola tem uma clientela escolar proveniente de todas as regiões da capital e de vários municípios da Grande São Paulo.

Próximo à Escola encontram-se vários centros culturais e patrimônios históricos de São Paulo como a Pinacoteca, Sala São Paulo, Museu de Arte Sacra, Arquivo Histórico do Estado de São Paulo etc. e esses locais são frequentemente utilizados para as visitas técnicas dos cursos.

É importante destacar que a ETESP é uma escola que prioriza um ensino de qualidade e o seu sucesso é resultado do trabalho coletivo desenvolvido por pais, professores, funcionários, alunos e pela equipe de direção ao longo dos 31 anos de sua história.  

Um dos indicadores da qualidade da nossa escola tem sido revelado nos resultados da avaliação de nossos alunos no Exame Nacional do Ensino Médio - ENEM e nos vestibulares de universidades públicas.

No entanto, percebemos que o aumento do número de escolas técnicas (públicas e privadas) tem crescido bastante, o que vem comprometendo a demanda pelas vagas dos cursos oferecidos pela ETESP.

O Instituto Federal de São Paulo também fica a poucos quilômetros da ETESP e, por se tratar de um centro de excelência na educação pública no país, oferece cursos técnicos e integrados similares aos do Centro Paula Souza com uma boa infraestrutura didático-pedagógica.

Além disso, é expressivo o número de instituições de Ensino Superior na cidade, com uma grande diversidade de cursos tecnológicos que atendem a várias camadas sociais e com preços e condições acessíveis. Não há como negar que o ensino superior é ainda a titulação mais requisitada quando se trata de status e ocupação de cargos mais elevados no mundo corporativo.

A Escola também mantém parcerias com instituições e empresas, visando aumentar as possibilidades dos alunos realizarem estágios durante o curso ou de conseguirem um emprego na sua área de formação. Além disso, participa do Aprendiz Paulista, programa de aprendizagem voltado para alunos do Centro Paula Souza com idade entre 14 e 24 anos.

A ETEC de São Paulo ainda possui uma Classe Descentralizada no CEU Butantã, localizada no bairro do Butantã. Atualmente, os cursos oferecidos nessa classe são: Administração e Recursos Humanos. 

Podemos dizer que a ETESP é o resultado de amor à educação e virou símbolo de produção de conhecimento intelectual e de boas relações interpessoais.

Equipe de Direção da ETESP.